Número total de visualizações de página

segunda-feira, 20 de julho de 2009

EU SOU


Qualquer interpretação científica do universo material torna-se sem valor, a menos que venha do devido reconhecimento do cientista.

Nenhuma apreciação da arte será genuína a menos que seja acompanhada do reconhecimento do artista.

Nenhuma avaliação da moral vale a pena, a menos que inclua o moralista.

Nenhum reconhecimento da filosofia será edificante, se ignorar o filósofo, e a religião não pode existir sem a experiência real do religioso que, nessa e por meio dessa mesma experiência, está buscando encontrar Deus e conhecê-lo.

Do mesmo modo, o universo dos universos fica sem significado se separado do EU SOU, o Deus infinito que o fez e que continuamente o administra.


( O livro de Urântia )

2 comentários:

Amaral disse...

É, amiga, a criação sem o seu Criador não faz sentido.
Se o mundo espiritual tem a ver com Deus, da mesma forma o mundo material é parte do Seu corpo.
Retirarmos alguma coisa de Si obriga a imaginarmos o impossível que a verdade desconhece...

Cláudia disse...

P/Amaral-Realmente amigo o acaso não existe.Vê o filme no post que publico hoje e diz-me se não foi Deus que me levou ao encontro EXACTO, do complemento do texto que escolhi.Um beijo...